Stock Car

No mesmo dia em que Jenson Button venceu uma das mais eletrizantes corridas de F1 dos últimos tempos, o experiente Max Wilson conquistou a primeira etapa da Stock Car, a melhor categoria do calendário brasileiro. Mas peraí!!! Há controvérsias sobre ser a melhor.   A mais importante? Talvez.    

Largada para a Stock Car brasileira; Interlagos 1972

A TV Globo, mais uma vez, transmitiu apenas pedaços de corrida.  Por que não colocam a stock na SporTV?  Quem quiser vê a corrida inteira. Ou não, como diria Caetano. 
Deixemos a polêmica para os blogs especializados e falemos de história.   O que vemos na foto acima é a primeira bandeirada de largada da stock car no Brasil.  Na verdade foi mais uma exibição. Algumas voltas pelo saudoso anel externo de Interlagos.  A categoria só viria a se estabelecer anos mais tarde. A foto pode servir também como um desafio aos aficcionados em automobilismo brasileiro.  Lembro que o Gil (não o DeFerran)  era um dos pilotos.  Quais os demais?  Quem souber, favor comentar.

Porsche 910; 500 Km de Interlagos

A exibição aconteceu como preliminar dos 500 Km de Interlagos de 1972, corrida que reuniu carros de categoria internacional como Ferrari 512, Porsches 908, um protótipo Berta argentino (os hermanos entendem deste esporte), Avalones e outros.  Na outra foto o Porsche 910 recém incorporado pela Equipe Hollywood se encaminha para os boxes.  Chegou rodando ao autódromo?

Esquadrilha da Fumaça

Este foi um grande dia de automobilismo. Lá estava eu com meu parceiro Geraldo.  A festa contou com a esquadrilha da fumaça.  Eram bons aqueles tempos de automobilismo, curso Bahiense, praia e diversão.  Aos dezessete,  tudo é muito bom.   

Fotos by Cariocadorio: Stock car largando em Interlagos, 1972; Porsche 910 a caminho dos boxes. Interlagos 1972; Esqudrilha da Fumaça, 1972.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , ,

11 Respostas to “Stock Car”

  1. Marco Says:

    Grande Cariocadorio !
    Gil Ferreira, depois virou comentárista da Bandeirantes nas transmissões da F1 junto com o narrador Galvão Bueno .
    Os irmãos Zeca e Afonso Giaffone , depois viraram construtores desses carros .
    José Carlos Palhares , o ” Capeta ” lembra ? acho que era carioca , e foi o primeira a ganhar na categoria .
    O grande Paulão Gomes o rei das confusões … seriam esses os ” pais ” da categoria ?
    Do Rio também tinha pilotos da Stock lembro do Amauri Mesquita , Fábio Crespi , Sidnei Cardoso … e por ai vai .
    Amigo , dê uma resgatada na Fórmula V , não só do Rio , mas como também de São Paulo , êta tempo bom !
    No Rio tinha o Henrique Francalanza , Norman Casari , Milton Moraes , Ricardo Acchar … porras era muito legal !
    É isso aí campeão , grande abraço !

  2. Carlos de Paula Says:

    Excelente post. O Porsche 910, entretanto, estava na equipe Z (Equioe Hollywood) desde o principio, e fora campeao do CBVE em 1971, com Lian Duarte. Curiosamente, o carro foi trazido para o Brasil pelo petropolense Mario Olivetti, que obteve patrocinio da Hollywood, e depois foi passado para a Speed Motors. O nome do Gil na realidade era grafado Giu Ferreira (Jose Maria) e ele chegou a pilotar na FF e F3 Europeia, e na Temporada de F2 de 1971. O Milton mencionado acho que [e o Miltinho Amaral

    • cariocadorio Says:

      O Mario Olivetti venceu uma subida de montanha com ele. Lembro também do 910 na Speed Motors com o José Moraes neto. Na Z só me lembrava do 908 do Luizinho. Tinha cores verde e branca, certo?
      Volte sempre,
      Saudações cariocas

    • Marco Says:

      Carlão , você está coberto de razão quanto ao Giu ( não Gil ) e Miltinho Amaral ! não é acho não , é certeza mesmo . E o amigo lembrou muito bem do Olivetti naquele Porche , mas acredito que antes de passar para Hollywood , ele andou fazendo algumas corridas com o carro todo vermelho .
      Valeu .

  3. Denise S. Says:

    Ótimo post!

  4. Salete Says:

    Meu pai nessa época era da CBA e ia a todas as corridas e nós tambem. Essa de stock car não me lembro de ter ido. Mas íamos a São paulo especialmente para ver as corridas e era um programa maravilhoso.
    Corridas, simba safari, jantar num bom restaurante, Curti muito o automobilismo nesses bons tempos. Meu pai e meu irmão cronometravam corridas aqui no Rio. Meu irmão começou a ajudar papai ainda criança com uns 10 anos talvez. Eu tenho o cronometro dele guardaddo aqui comigo. E eu ficava com eles nos palanques louca pra participar mas eu era muito pequena e claro não me deixavam. Eu ficava muito zangada.hehehehe. Era um trabalho braçal muito meticuloso. Ele ficou ligado a isso por muitos anos até que mudou tudo na CBA entrou a oposição e papai saiu. Foi uma pena.
    beijus

  5. Juarez Says:

    Apesar da raridade dos registros fotográficos deste enigmático ensaio da stock no Brasil(raros na internet),este foi um momento muito importante no automobilismo brasileiro.Até ví um lindo Gurgel XT (71, 72 ou 73) branco estacionqdo ao fundo na foto.Raro de se ver nas fotos do cotidiano de época.Hoje peça de colecionador. Carrinho mui simpático e raríssimo. Se tiverem mais fotos com ele, postem a vontade. Abrs.

  6. Xavante XT na Stock car!! « Gurgel à Vista! Says:

    […] A foto foi retirada do blog. Se quiser ver o post do blog Cariocadorio, clique aqui! […]

  7. Luiz Guimarães Says:

    Eu estava nesse dia nos boxes de Interlagos e filmei o trabalho de montagem dos carros, a largada e muitas cenas da corrida. O filme está no Yutube (arquivos do “seu” Guima).Se não me engano, o Porsche 910 foi pilotado pelo Tite Catapani.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: