Archive for janeiro \21\UTC 2012

O trem de Ibicuí

21 de janeiro de 2012

Myrthes no trem de Ibicuí (1953)

Havia duas maneiras de se chegar a Ibicuí, a paradisíaca praia no litoral sul fluminense.  De carro, pela rodovia RJ-14, desde que não chovesse muito forte porque boa parte era de terra; ou de trem, pela Central do Brasil no ramal de Mangaratiba. Aquele trem tinha um charme todo especial.  Eu mal havia me livrado das fraldas quando o conheci e ele não durou muito tempo depois disso.  Ainda assim, os poucos flashes de memória daquele tempo me levam ao interior do trem e da estação de Ibicuí.  Muito mais vezes cruzei de carro os trilhos junto à estação. 

A estação de Ibicuí (circa 1955)

Atualmente só passam por Ibicuí enormes composições levando minério para o porto.  Alíás, cada vez menos passageiros andam de trem em todo o Brasil.  Conseguimos, pouco a pouco, eliminar o transporte ferroviário de passageiros da nossa matriz de transportes. Triste.  
Mas aqui a intenção é apenas lembrar do trem de Ibicuí. A estação continua por lá, mais ou menos como há 50 anos atrás. É bom lembrar de um tempo em que só os outros tinham problemas e nem disso a gente sabia.
A foto abaixo é do ângulo inverso à da estação.  Lá no fundo dá pra ver o trem na estação.

O trem na estação de Ibicuí (circa 1955)

Fotos: arquivo pessoal Cariocadorio.  Proibida a reprodução sem autorização prévia.
Notas:  
Ótimas fotos antigas de Ibicuí no site:
http://www.ibicuifotos.blogspot.com/
Cariocadorio sobre Ibicuí:
https://cariocadorio.wordpress.com/category/ibicui/

O beija-flor e a flor de bananeira

13 de janeiro de 2012

O beija-flor e a flor de bananeira (1)

Não basta ao goleiro ser competente.  Goleiro tem que ter sorte, já dizia Neném Prancha ou algum outro filósofo do futebol. Vale para fotógrafos também, inclusive os amadores. 
Eu pretendia apenas sacar uma foto daquele canto do jardim que estava muito bonito.  Só que lá estava o beija-flor, no lugar certo e na hora certa.  O clique o pegou de asas abertas.  Que sorte, particularmente para uma sexta-feira 13.  
O beija-flor e a flor de bananeira (2)

Fotos by Cariocadorio, janeiro de 2012.

Flamengo, 2012 promete

8 de janeiro de 2012

Promete ser igual ou pior que o ano passado. 
Enquanto os demais times buscam reforços para as diversas posições, o Flamengo concentra-se em dois jogadores caríssimos que, como já está mais do que provado, não resolvem coisa alguma.  Primeiro porque duas ou três andorinhas não fazem verão e segundo porque não estão jogando nada mesmo.  O Thiago Neves pode até voltar a jogar mas o outro está mais preocupado em ganhar a sua grana e se divertir nas noites, dias e tardes cariocas.  Não o culpo, afinal ele é muito bem pago pra isso.

1955: segundo tri-campeonato carioca do Flamengo

Esta situação é muito conveniente para o teinador estrela decadente que, faz tempo, vive de passado, factóides e frases de filósofo de botequim.  Sem reforços, o que promete é manter o time na Libertadores  e ganhar um título.  Em 2011 foi um desprestigiado Campeonato Carioca.  Este ano deve valer até um quadrangular em Cachoeiras de Macacu, provavelmente numa difícil decisão contra o combinado local (que me perdoem os macacuenses).

Antes de exigir títulos há que exigir uma participação séria e profissional nos campeonatos.  Títulos serão uma consequencia de um trabalho digno do tão querido manto sagrado. 

O que definitivamente não se pode aceitar é esta farsa que só faz sentido para aqueles que se apoderam e tiram proveito de uma marca da grandeza e do valor do Flamengo.   Não é muito diferente do que acontece com os demais clubes brasileiros e, mais ainda, federações estaduais e confederação brasileira. Só que há anos o Flamengo tem sido um exemplo de incompetência e politicagem. 

Depois, a gente aqui na “terra do futebol” fica de boca aberta com o Barcelona.  Antes havia sido o Real Madrid.  Não há mistério para o sucesso espanhol,  só muito trabalho e competência por anos a fio.  Tem mais, lá as torcidas pagam o ingresso que ajuda a sustentar o clube.  Aqui as “organizadas” vivem deles.

O pior é que na hora “H” acabo torcendo como sempre…

Foto: 55, o ano do tri (by Cariocadorio)
Nota: camisa da Liga retro.

Cariocadorio, os números de 2011

1 de janeiro de 2012

Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2011 deste blog.

Aqui está um resumo:

A sala de concertos da Ópera de Sydney tem uma capacidade de 2.700 pessoas. Este blog foi visitado cerca de 39.000 vezes em 2011. Se fosse a sala de concertos, eram precisos 14 concertos egostados para sentar essas pessoas todas.

Clique aqui para ver o relatório completo