Colégio Pedro II, turma B, 1966

CP II Turma B, 1966

CP II Turma B, 1966

A turma B era até mal vista na escola.  O pessoal estourava cabeções no banheiro, batucava nas carteiras, fazia guerra de giz, colava chiclete no teto para vê-los descer lentamente em plena aula e, de repente; …. culpa do Bacalhau que tirou a cara da frente e deixou o apagador quebrar a vidraça. Quando a Gina da turma D fez aniversário foi uma festa…”Viva a Gina!”,  cantava o andar inteiro.

 

Via Dutra, 1968

Via Dutra, 1968

Transgredíamos mas o inspetor Fausto não deixava barato.  Havia disciplina. E lá vai todo mundo formado de pé na porta do banheiro, detidos mais uma vez depois da hora.

Lago Azul, Itatiaia, 1968

Lago Azul, Itatiaia, 1968

 

Nos encontramos em 1966, no 1º ginasial.  Era o tempo da ditadura embora no início não tivéssemos nem ideia do que isso significava. Seguimos por décadas perdidas e sobrevivemos aos militares, aos Sarneys que nunca se vão, aos planos e às cores do poder, ao Itamar e suas saliências, ao Real que deu certo e nos reencontramos há alguns anos sob o império de Lula e seus mensaleiros.

As aulas da D.Mary, do Freitinhas, da bela tia (ou seria prima) da saudosa Maria Cristina, da sisuda prof. de inglês, do Ítalo de histórias e passeios e até daquele simpático professor de latim serviram para alguma coisa. Porque podemos nos orgulhar da bagunça que fizemos e do rumo que demos às nossas vidas.

 

juntos novamente, 2011

juntos novamente, 2011

Os que perdemos viverão na nossa memória, parte que sempre serão da turma B de 1966, turno da tarde do Colégio Pedro II do Humaitá.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , ,

5 Respostas to “Colégio Pedro II, turma B, 1966”

  1. dossantosbr Says:

    Sou aluno do CP2 e gostei muito do seu post! 😀

  2. Ricardo Galeno Says:

    Muito bom o post!
    Lendo o texto, bateu uma saudade das turmas nos colégios que estudei!

  3. Jojo Says:

    Muito mágico estudar no Pedro II numa época que parecia não ser muito favorável… Um grupo que se unia nas “travessuras” e que se unia no “castigo”…. Ninguém dedurava ninguém.
    Muito bom poder ver o grupo,ou parte dele … E sentir que o tempo físico passou, cada um seguindo sua vida…mas o coração, nos encontros bate forte e parece que nos unimos através “daqueles” tempos!! Saudade danada…..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: