Posts Tagged ‘Paraíba do sul’

L’Ermitage, flores e cores

22 de outubro de 2014

Em Paraíba do Sul, a conversa girava em torno da seca e dos incêndios, criminosos ou não.  Vi muitas áreas queimadas desde Itaipava, na região serrana do Rio, até Werneck.
“Tem clima de chuva mas não chove”, resumiu um jardineiro local.
Não obstante é primavera. Nos jardins do L’Ermitage, preferi retratar os pequenos sinais da estação das flores.

Diana

Paula

Paula

Fernanda

Camila

Camila

Branca

Branca

Rosa

Rosa

Camila

Liana

Gisele

Raíra

Luz

Luz

 

Mas voltando ao assunto, falta chuva, é bem verdade.
Mas por que não pensamos nas consequencias quando  devastamos impiedosamente a Mata Atlântica?

 

Nota: desculpem, eu sempre quis usar este “não obstante” que só vi na escola, há uns 50 anos…

Fotos by Cariocdorio; flores e cores no Spa L’Ermitage (outubro de 2014)

Anúncios

L’Ermitage

16 de janeiro de 2010

Quando eu comecei a utilizar termos como cultura corporativa, treinamento de pessoal, “service delivery” e o escambau, senti que estava no caminho errado.  O título deste artigo acabaria sendo algo do tipo “A  transcendência da interação  colaborador/cliente no sucesso qualitativo das empresas prestadoras de serviço nas áreas de saúde e estética”.  Então simplifiquei o título e resolvi começar de novo.

Piscina no Spa L'Ermitage

Atualmente é comum empresas chamarem  empregado de colaborador e cliente de parceiro.  As que mais fazem propaganda destes termos são as que mais acham que empregado é um mal necessário e parceiro não passa de freguês mesmo.  Gastam fortunas com treinamento de pessoal e muitas vezes o processo não é bem sucedido porque na verdade a direção não “walk the talk” (lá vou eu de novo).  Na primeira virada da maré vai um monte de colaborador pra rua.

Nota-se a diferença quando se tem um serviço prestado com a devida atenção e profissionalismo. Não porque isto foi “ensinado” mas porque esse tipo de atitude esta impregnada na própria estrutura operacional da empresa e, muito mais do que isso, no caráter e na sensibilidade das pessoas que diretamente prestam o serviço. 

Arara simpática...mas deixa o dedo longe

Vivi esta experiência todas as vezes que fui ao Spa L’Ermitage.  Da pessoa que atende o telefone no primeiro contato ao porteiro que dá tchau na hora de ir embora, todos são atenciosos por princípio.  Seja no refeitório, na secretaria, nas sessões de ginástica, nas salas de massagem e estética, enfim, todas as atividades são conduzidas de forma simples e profissional com o mesmo clima, a mesma atenção e um sorriso sincero nos lábios. 

Muitos procuram o L’Ermitage para resolver um problema de saúde, às vezes até mais mental do que física propriamente dita.  E os empregados sabem escutar, sabem entender personalidades diferentes e cuidar de todos com a devida atenção.  Como em qualquer lugar, os clientes têm críticas a alguns aspectos do spa mas a simpatia e a qualidade do pessoal que trabalha no L’Ermitage são uma unanimidade.  Por isso é comum encontrar pessoas que vão ali com freqüência, muitas delas há mais de 20 anos.

L'Ermitage

Empresas não conseguem este tipo de atitude dos empregados apenas com programas, salas de treinamento ou quadros de avisos.  As pessoas têm que ser selecionadas considerando a importância dessa característica da personalidade e mantendo um ambiente que honestamente permita que elas exerçam esta característica.  Gostar de gente.

Em um mundo complicado e de permanente atrito entre as pessoas, quem não gosta de estar em um ambiente tranqüilo onde as pessoas lhe dêem atenção e lhe tratem bem?   A empresa que logra fazê-lo terá, certamente, a fidelidade deste cliente e manterá uma real vantagem competitiva no mercado (opa! …desculpe a recaída no final).

Estação de trem de Werneck

O Spa L’Ermitage fica em Werneck, distrito de Paraíba do Sul, RJ.  Um lugar pequeno onde tem uma fábrica de doces formidável pra quem passou uma semana no spa.

Nota: O autor não tem relação alguma com o Spa L’Ermitage, exceto ser frequentador do mesmo.

Fotos by Cariocadorio: Piscina do L’Ermitage (Janeiro 2007); Arara (Janeiro 2007); L’Ermitage (Janeiro 2007)Estação de Werneck (Janeiro 2010)