Carta aberta aos meus netinhos

Rio de Janeiro, 8 de julho de 2014

Queridos Netinhos,

Um time sem meio-campo, com ataque inoperante e pífio esquema tático não merecia mesmo ganhar. Mas os incontestáveis 7 x 1 foram um castigo duro demais para um povo que, apesar de tudo (*), faz desta uma belíssima Copa do Mundo.

Vocês ouvirão falar muito da “tragédia do Mineirão”.  Acreditem, jamais haverá vitória sobre a Alemanha que vingue o que aconteceu hoje. Sei muito bem o que é isso. Vovô não tinha nem nascido quando, em 1950, perdemos para o Uruguai. Ainda assim, sinto o fantasma do Maracanazo como se fosse ontem, 64 anos depois.

Nós hoje perdemos para a seleção de um país que foi completamente arrasado na metade do século passado. Mas mesmo dividido ao meio, trinta anos depois já era um dos maiores do planeta. Não conseguiram isto por força dos céus. Não esperaram que Deus, o governo ou seja lá quem ou o que lhes desse o pão, o teto e a cama de dormir. Trabalharam muito e continuam trabalhando. Da mesma forma pragmática que nos venceram hoje.

Saibam, portanto, que ficar chorando nos cantos não leva a nada. Jamais permitam que lhes convençam de que nós brasileiros somos um bando de coitadinhos. Isto só é conveniente para preguiçosos e, principalmente, políticos. É ferramenta de ganhar votos e manter o poder. Nestas situações enxuguem logo as lágrimas e voltem ao trabalho. Como diz a letra do velho samba: “levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima!”.

Não se esqueçam que depois da tristeza de 50 ganhamos cinco Copas do Mundo, mais do que qualquer outro país.
Penta-campeão!

 PS. Não contem isto aos argentinos, eles acham que a história das Copas começa nos anos 70.

(*) este tudo é a farra política, o escândalo dos estádios, a vergonha do “legado” e a falta de tudo que poderia ter sido feito com a grana mal-gasta com esta Copa. Incluído aí o vexame que foi o “chute no traseiro” que o país levou da FIFA. Aliás, eu odeio a FIFA.

Anúncios

Tags: , , , ,

7 Respostas to “Carta aberta aos meus netinhos”

  1. BABY Says:

    SEM PALAVRAS!!! DISSE TUDO

  2. interferenciaurbana Says:

    Nosso texto sobre a Copa!
    http://interferenciaurbana.wordpress.com/2014/07/09/mineiraco/

  3. A esperança continua sendo verde-amarela | Cosmos Drops Says:

    […] https://cariocadorio.wordpress.com/2014/07/08/carta-aberta-aos-meus-netinhos/ […]

  4. interferenciaurbana Says:

    Eu já tinha lido, mas faço questão de deixar meu elogio!
    Meus parabéns pelo texto.
    A Alemanha é um exemplo de reconstrução de uma nação, assim como o Japão também o é.

    Como disse no meu texto, espero que o 1 x 7 tenha sido como uma bomba atômica no nosso statu quo. Reconstruir é a palavra!

  5. Turú da Silva Says:

    Avisem para aquele bando de boiolas que: 1) Futebol é jogo de homem; 2) Quem fica fazendo pose na frente da câmera (e a choradeira nada mais foi além de pose mal feita) é ator; 3) Uma seleção deve ser composta por 11 craques. Com um só consegue-se no máximo um time de pelada.
    Ah sim, quase esqueci, o artigo está ótimo.

  6. Rosalina A. Aquino Says:

    Aos responsáveis pelo cariocadorio gostaria de deixar meus parabêns e pedir que se possível passem uma forma de contato ou entrem em contato comigo pelo meu e-mail: rosalinaalvesaquino@gmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: